Arquivos

Dica de Restaurante em Santiago

Oiii gente, tudo bem?

Semana passada, no post sobre minha viagem para Sabtiago no Chile, comentei sobre um restaurante muito bom… Hoje então trouxe pra vocês mais detalhes sobre ele!

O Mestizo Santiago é considerado por muitos como o restaurante mais bonito de Santiago. Tendo uma localização privilegiada no parque Bicentenário, em Vitacura, esse restaurante tem um decoração rústica de tirar o fôlego. Ele foi elaborado pelo arquiteto Smiljan Radic e foi usado pedras de granito de diversos tamanhos como colunas, enormes vigas de aço e madeira de demolição para compor a maravilhosa arquitetura deste prédio que hoje é tombado, e portanto não pode ser demolido. O restaurante tem capacidade para 180 lugares, e a varanda é o lugar mais concorrido durante o verão, mas no inverno ela ainda continua sendo o lugar preferido dos cliente!

image

imageimage

O cardápio é bem variado com carnes, peixes, risotos, frutos do mar e massas, as inúmeras opções de bebidas são bem diversificadas , além de sobremesas para todos os gostos.

Eu pedi um filet com molho chimichurri e de acompanhamento pedi batata frita com cebola caramelizada e ovo pochê. Estava delicioso!

imageimage

A sobremesa que pedi é um velho conhecido nosso… Mini churros com doce de leite e nutella!

image

Nossa experiência no Mestizo foi muito boa e agradável. O ambiente é muito aconchegante e gostoso e vale muito a pena conhecer. O preço é um pouco mas caro comparado aos outros restaurantes, as entradas variam entre R$30-R$50 e os pratos principais entre R$40-R$60!

Ahh é necessário fazer reserva, eu fiz pelo próprio site do restaurante… É super fácil e rápido!

Como o Mestizo Santiago fica em frente ao parque, você também pode aproveitar para passear e ver o espelho d’água que fica logo em frente do restaurante.

Beijos

Anúncios

Viagem para Santiago – Parte 2

Oláá, tudo bem?

Como havia dito ontem, hoje trouxe a segunda parte da minha viagem para Santiago (quem não viu a primeira é só clicar aqui)… Na parte 1 falei sobre a viagem até na quinta-feira, então continuando…..

Na sexta fomos conhecer mais a cidade. Do hotel fomos direto ao Palácio de la Moneda, a sede da presidência chilena.

image

image

Depois fomos conhecer o Cerro Santa Lucía, o cerro fica próximo ao trânsito intenso da cidade e do movimento de pessoas nas ruas, este lugar é um verdadeiro refúgio verde de paz e tranquilidade no meio de Santiago. O parque, que tem monumentos e jardins, é ideal para caminhar e subir até o topo, aproveitando a fantástica vista da Cordilheira nos dias limpos.

image

imageimageimage

image

A subida é cansativa, são mais de 300 degraus até chegar o topo, então o ideal é ir subindo aos pouco; mas vale muito à pena subir até o topo mesmo viu gente, pois a vista é muito linda e você pode sentar, admirar a paisagem e aproveitar para descansar um pouco.

image

image

Caso alguém tenha dificuldade, existe opção de subir de elevador direito ao topo do cerro.

.

Nesse dia fomos almoçar no restaurante Mestizo, localizado no parque bicentenário no bairro de Vitacura, mas esse merece um post especial.

.

O Cerro San Cristóbal é um passeio imperdível, pois é um dos pontos mais altos da cidade. Lá encima você encontra uma capela e a imagem da Imaculada Conceição, padroeira da cidade, além de ter uma visão panorâmica da cidade, a geografia de Santiago e os Andes.

image image

No parque onde está o Cerro San Cristóbal funciona também um zoológico, tem muitas opções de animais, é bem legal, principalmente se você estiver com crianças… A subida até o alto do cerro pode ser feita de várias maneiras, mas sem dúvida o mais legal é fazê-la no funicular.

image

Como já haviamos andado muito e no outro dia acordaríamos muito cedo, à noite resolvemos jantar no restaurante do hotel mesmo.

.

No último dia fomos conhecer Valparaíso e Viña del Mar. Primeiramente fomos para a cidade portuária de Valparaíso. Ela é uma das maiores cidades do Chile.

image

 A cidade tem um relevo acidentado e muitos morros, por isso muitas casas coloridas (característica da cidade) ficam em áreas inclinadas e oferecem uma bela vista para o mar.image

Lá fica uma das três casas que o poeta Pablo Neruda tem na cidade, você pode fazer um tour pela casa ou apenas conhecer o pequeno jardim, tomar algo no café que tem lá e observar a cidade no terraço (mirante) que ele tinha.

imageimage

Valparaíso é muito conhecida pelo seu porto, mas confesso que não gostei, achei muito sujo, apesar que acho que a maioria dos portos são assim né?! Mas não é um passeio que você tem belas coisas para ver.

image

image

Já Viña del Mar é uma cidade muito fofa, banhada pelo Oceano Pacífico, a cidade tem praias, muitos restaurantes, bares e cassinos.

image

Como estamos no inverno é claro que nosso passeio foi só para conhecer a cidade mesmo e essa sim valeu à pena, achei uma cidade com clima bem pitoresca, no verão deve ser o máximo.

imageimageimage

Ahh… quem visita a cidade não pode deixar de conhecer o autêntico Moai que fica na entrada do museu Fonck, só tem apenas dois fora da Ilha de Páscoa, este e um outro que está no Museu Britânico de Londres.

image

Na volta paramos na Torre Costanera (destaque na primeira foto), o arranha céu mais alto da América Latina… Conhecidentemente havia inaugurado um mirante na semana que estávamos lá. Para chegar ao mirante, a Torre Costanera conta com modernos elevadores que permite chegar ao último andar em apenas 43 segundos, atingindo a velocidade de 6 metros por segundos. Como subimos no final da tarde, a visibilidade não era das melhores, então nenhuma foto saiu muito boa, mas deu para vermos a cidade e ter uma noção da altura da torre.

Obs: só agora, fazendo esse post, fui me dar conta de quantos passeios fizemos para ter visão panorâmica da cidade, hahaha… Mas garanto que cada um tem suas peculiaridades.

.

Antes de voltarmos pro hotel jantamos no Hard Rock Café de Santiago, localizado no Shopping Costanera (ao lado do prédio)… Ah e não reparem na foto, já estava com cara de acabada, rsrs.

image

Domingo de manhã já era dia de vir embora e nos despedimos da cidade com essa linda visão.

image

Espero que tenham gostado do meu diário de viagem.

Beijos

Viagem para Santiago – Parte 1

Bom dia gente, tudo bem?

Que me segue no Instagram @rafaelabravo deve ter visto que há uns 10 dias eu fui para Santiago no Chile… Foi uma viagem em família e foi muito boa, então hoje vim contar pra vocês como foi minha viagem dia a dia e assim já aproveito pra ir dando dicas sobre essa cidade encantadora. Só que como ficou muito grande, eu dividi em duas partes… Hoje vai a primeira parte e amanhã posto a segunda, ok?!

Com aproximadamente 7 milhões de habitantes, Santiago é uma cidade grande, limpa, moderna, arborizada e com muitos pontos turísticos, todos variados.

image

Fomos viajar numa terça de manhã e antes mesmo do avião pousar, já era possível admirar a grandiosa Cordilheiras dos Andes, uma visão de tirar o fôlego.

image

Chegamos ao hotel no meio da tarde, então descansamos um pouco e logo já saímos para andar nas ruas e assim já começar a nos familiarizar com a cidade… O hotel que ficamos está localizado no bairro Las Condes, antes de viajar havia pesquisado sobre qual bairro era o melhor para se hospedar e sempre aparecia o Las Condes, então optei por seguir a dica e realmente foi a melhor coisa… O Las Condes é o bairro mais nobre da cidade, então é repleto de restaurantes, lojas, cafés e é muito bonito, com prédios modernos, simplesmente maravilhoso, super indico.

image image image

O Mall Parque Arauco é um belo complexo de lojas, restaurantes, cinemas e demais empreendimentos da cidade e estava a apenas algumas quadras do nosso hotel, então fomos caminhando até ele, pois queríamos jantar… Além de milhares de lojas o shopping também oferece uma área, o Boulevard del Parque, a céu aberto repleto de maravilhosos restaurantes de renome nacional e internacional… Porém ao lado do shopping tem realmente o Parque Arauco (semelhante ao Parque Ibirapuera), mas que também tem um pequeno complexo de restaurantes e como estávamos meio perdidos, acabamos parando no Parque Arauco e não no Shopping Parque Arauco, mas confesso que foi ótimo “errar” o caminho, o restaurante que escolhemos era uma delicia, são várias opções de diferentes estilos e culinárias. Depois de comermos, voltamos andando para o hotel e fomos descansar para começar o dia seguinte no pique total.

image

Na quarta feira o dia amanheceu bem nublado, mas mesmo assim fomos para o centro da cidade… Visitamos a Plaza de Las Armas que é considerada o coração da cidade. Ao redor da praça ficam alguns dos principais edifícios históricos da cidade, como o edifício dos Correios e a belíssima Catedral Metropolitana, que vale muito à pena entrar.

image

image

Logo em seguida, como o tempo não estava ajudando, fomos até o Mercado Central, li em vários lugares que era uma visita imperdível para quem estava em Santiago e confesso que foi um pouco decepcionante, o mercado é relativamente pequeno e o cheiro de peixe é muito forte , mas sempre vale a pena conhecer um lugar novo não é?! Vale ressaltar que ele tem uma arquitetura bonita e produtos bem diferentes do que estamos habituados.

image

Na parte da tarde fomos visitar a Vinícola Concha y Toro, a maior do Chile.

image

A vinícola oferece uma visita guiada que mostra as etapas de produção do vinho, além de degustação de vinhos. O tour começa pelo bosque e jardins da propriedade até chegar na antiga casa de verão da família Concha y Toro e o primeiro vinhedo. Depois fomos até as bodegas subterrâneas onde ficam as barricas de carvalho para armazenamento dos vinhos.

image

image

image

image

imageimage

Nesse mesmo lugar assistimos um vídeo com a história do Casillero del Diablo. A lenda diz que logo no começo em que a vinícola começou a funcionar, frequentemente sumiam algumas barricas de vinho, que provavelmente eram furtadas por moradores da região. Então o fundador da vinícola, Don Melchor, espalhou a história que o diabo se escondia na bodega da vinícola. Os moradores da região ficaram com medo do diabo e os roubos acabaram. E daí surgiu o Casillero del Diablo, o vinho mais famoso da vinícola.

image

Mesmo não sendo apreciadora de vinhos, rsrs… Eu achei bem bacana o passeio na vinícola, o lugar é muito grande e lindo e vale muito a pena conhecer.

.

À noite fomos jantar num restaurante próximo ao hotel chamado Chilenazo, um restaurante com comida típica do Chile.

.

Na quinta acordamos bem cedo, pois era dia de neeeve, rsrs…

image

image

As estações de Esqui mais próximas de Santiago são o Valle Nevado, frequentada por muitos brasileiros, Farrellones, El Colorado e La Parva. O Valle é indicado para quem deseja realmente se aventurar nos esportes de neve, como o esqui e snowboard, já Farellones e El Colorado são indicadas para quem quer iniciar nos esportes, ter contato com a neve e fazer brincadeiras, por isso estas foram nossas opções.

imageimage

imageimage

imageimage

À noite fomos jantar no Boulevard do shopping Parque Arauco, nesse dia chegamos até ele mesmo, rsrs. Não tirei nenhuma foto, porque estava tão exausta que nem levei a bolsa e câmera 😦

Bom gente por hoje é só, senão daqui a pouco isso vira um livro, hahaha… Amanhã tem a parte dois!

Beijos